MENU

A importância da Bíblia para essa geração

Jovens têm sido obrigados a abraçar o evolucionismo como única teoria científica


A importância da Bíblia para essa geração

Seja muito bem-vindo ao Derrubando Mitos, onde vamos falar sobre a importância da Bíblia para essa geração, sobre o Criacionismo bíblico como verdade científica, entre outros diversos assuntos que vão nos ajudar a compreender sobre alguns temas bem polêmicos que foram criados ao longo do tempo. Vamos analisar a Palavra usando muitas áreas de estudo, como arqueologia, jornalismo, história, geografia, entre várias outras.

Hoje o nosso tema é Criacionismo. Eu quero compartilhar com você sobre os motivos que me inspiraram a erguer essa bandeira. Comecei desenvolvendo um trabalho de Jornalismo Investigativo Bíblico e só então tive um acesso mais significativo às teorias do Criacionismo, Evolucionismo e Design Inteligente.

Leia mais

Achei intrigante o fato de haver somente uma dessas teorias sendo ensinadas na maioria das escolas, e de forma tão exclusivista. Chega a ser uma ditadura. Nossas crianças e jovens não têm acesso às muitas informações que já existem. Se tivessem, eles poderiam ser mais livres para tirarem suas próprias conclusões sobre determinados assuntos.

Veja, por exemplo, quando o tema “De onde viemos” é abordado em sala de aula e os professores apresentam aos alunos a tal da “árvore filogenética”, que é uma representação gráfica em forma de árvore mostrando que os seres humanos têm uma relação evolutiva com os símios, que são os gorilas ou os chimpanzés.

Simplificando, é aquele velho assunto de que nós viemos dos macacos. Essa teoria é estudada tão massivamente que está presente até mesmo em testes de vestibular, como se fosse um tema de extrema relevância. Ai daquele que responder diferente do que aprendeu.

A questão é que essa teoria é tratada como um fato, quando na verdade já virou um mito. A Evolução e o Darwinismo já foram refutados através de várias evidências apresentadas tanto pelo Criacionismo quanto pela Teoria do Design Inteligente. Mas parece haver um “sistema” que continua achando interessante ensinar à sociedade que não existe um Criador e que, o Criacionismo, é uma teoria religiosa e não científica.

Criacionismo não é religião. Religião é outra coisa. Antes de Darwin, os cientistas falavam tranquilamente sobre a Criação do Universo e admitiam que, poderia sim, haver um Criador. Por que será que esse pensamento mudou tanto depois que Darwin, um simples ser humano apresentou uma teoria?

Será que foi a genialidade dele que impressionou a humanidade? Ou será que as áreas de Ciência e Educação estão desatualizadas? Ou pior ainda, será que estão bloqueando essa atualização? Sabe o que parece? Que as pessoas pararam no tempo. Mas eu tenho uma boa notícia: é que isso está mudando. Hoje em dia, existe um exército empenhado em divulgar as novidades que o ser humano desse século precisa conhecer. Se você quer saber mais sobre esse exército e sobre essas boas novas, então nos acompanhe aqui no Derrubando Mitos.

Ouça o podcast Derrubando Mitos:



Cris Beloni é jornalista, teóloga e pesquisadora apaixonada pela Bíblia. Desenvolveu um trabalho de Jornalismo Investigativo Bíblico e é autora do livro Derrubando Mitos.

Assuntos: , ,


Deixe seu comentário!


Mais notícias