Mar Vermelho e o furacão Irma nas Bahamas

Para Deus nada é impossível!


Mar Vermelho e o furacão Irma nas Bahamas

“Sem acreditar nesse momento… Esta é a Long Island, nas Bahamas, e a água do oceano desapareceu, até onde os nossos olhos conseguem enxergar”, detalhou uma usuária no Twitter, com o vídeo do fenômeno.

As imagens são impressionantes. No jornal americano Washington Post, a meteorologista Angela Fritz faz a seguinte citação:



“Há coisas que um meteorologista aprende em livros, mas talvez nunca veja pessoalmente. Você sabe que elas acontecem em teoria, mas a chance de se deparar com o fenômeno mais extraordinário é de pequena a nenhuma. Essa é uma dessas coisas — um furacão forte o suficiente para mudar a forma de um oceano”, escreveu Fritz neste domingo.

Como cristã, não pude deixar de lembrar do fato narrado na Bíblia a respeito do Mar Vermelho: “Então Moisés estendeu a sua mão sobre o mar, e o SENHOR fez retirar o mar por um forte vento oriental toda aquela noite; e o mar tornou-se em seco, e as águas foram partidas.” (Êxodo 14:21). Com certeza vivenciamos algo muito parecido ao que foi narrado em Êxodo.

Para os descrentes, os fatos narrados na Bíblia que fogem da compreensão humana são vistos como folclore. Mas ao me deparar com os instantes que o mar de Bahamas sumiu foi apenas um pequeno vislumbre de que para Deus nada é impossível, é chegado o tempo que Deus se mostrará de diversas maneiras aos descrentes.



Já sabemos pela Bíblia que a natureza dará os sinais a respeito da volta de Jesus, coisas que já existiram ficarão mais fortes e frequentes. O furacão Irma é o primeiro da história a manter por 24 horas ventos com quase 300km/h.

“E haverá em vários lugares grandes terremotos, e fomes e pestilências (pragas: doenças epidêmicas malignas e contagiosas que são mortíferas e devastadoras); haverá também coisas espantosas, e grandes sinais do céu.” (Lucas 21:11).



“E haverá sinais no sol e na lua e nas estrelas; e sobre a terra haverá angústia das nações, em perplexidade [sem recursos, confusas, deixadas em dúvida, sem saber o que fazer] pelo bramido do mar e das ondas. Os homens desfalecerão de terror, e pela expectação das coisas que sobrevirão ao mundo; porquanto [todos] os poderes do céu serão abalados. E então verão vir o Filho do Homem em uma nuvem, com poder e [Sua] grande glória [majestosa]. Ora, quando estas coisas começarem a acontecer, exultai e levantai as vossas cabeças, porque a vossa redenção se aproxima.” (Lucas 21:25-28).

Praia sem o mar:

Água retorna:



Lara Suliano

Lara Suliano

Jornalista e autora cristã.


Deixe seu comentário!