O princípio do autocontrole

O autocontrole nos permite exercer domínio sobre situações que podem nos tirar o foco


O princípio do autocontrole

O autocontrole, conhecido na tradução mais popular como domínio próprio, é um modo de vida no qual, pelo poder do Espírito Santo, o cristão é capaz de ser equilibrado em tudo, não tendo sua conduta dominada por seus desejos. O exercício do autocontrole deve abranger todos os aspectos de uma vida colocada sob o  domínio do Espírito Santo.

O princípio do autocontrole não se trata apenas  de se abster de certas práticas “mundanas” como brigas, bebedice e o uso constante de palavrões, mas de ter uma vida caracterizada pela disciplina. A palavra vem do grego cuja raiz significa “pegar”, “segurar”, designa uma pessoa que segura a si mesma, que se mantém no pleno controle de si mesmo.

São Paulo afirma que “todo atleta em tudo se domina” quando está treinando. Quando alguém se prepara para uma competição, tudo é regrado: comida, hábitos, sono e exercícios. O autocontrole é uma atitude essencial para o cristão, para TODO cristão, é uma característica que todos devem ter. Sem o autocontrole nosso testemunho perde sua eficiência e deixamos de ter o respeito das pessoas.


  Realize o Seu Sonho de Tocar Piano sem Sair de Casa. Comece Agora!


A falta de autocontrole destrói projetos importantes

Constantemente acompanhamos casos de pessoas muito competentes, mas que sucumbiram devido à falta de domínio próprio. A cobiça e a extravagância é uma das grandes tentações para quem lida com o dinheiro. Outros são seduzidos por tentações sexuais que destroem a família e a reputação.

Ninguém e está imune à tentação, especialmente quando ocupamos posição de evidência, seja profissionalmente ou na vida ministerial.  O que precisamos é estar conscientes é que as áreas em que temos mais probabilidades de perder o autocontrole são aquelas em que somo mais fortes, ou achamos que somos. O excesso de confiança pode ser nosso maior inimigo.

O autocontrole conquista a confiança das pessoas

As pessoas querem se relacionar com pessoas em que possam confiar. Todos querem estar com alguém cujo exemplo seja digno. Ninguém que estar próximo de uma pessoa intempestiva, imprudente nas palavras e ações.

Ter um caráter forte é algo pessoal, que exige cultivo. O autocontrole ajuda a desenvolver um caráter forte e confiável.

Como desenvolver e exercitar o autocontrole

O autocontrole não surge, simplesmente, deve ser cuidadosamente desenvolvido e cultivado. O exercício do autocontrole deve ser feito sob a dependência de Deus. Devemos nos espelhar em Cristo, pois Ele nos transformou em nova criatura. Pertencendo a Ele, podemos buscar dele orientação e esperar seu auxílio. Podemos desenvolver e exercitar o autocontrole através da dependência de Deus.

Também devemos aprender a ter uma vida disciplinada, em todas as áreas. Alguém disciplinado nas pequenas coisas também o é nas grandes, enquanto os que são indisciplinados em um aspecto da vida, o são em muitos outros. Em tempos de auto-satisfação a disciplina tem sido negligenciada.

Dominando nosso gênio

Ao exercer o autocontrole temos que aprender a receber toda espécie de ofensas e tratamento rude sem revidar. Quando somos vítimas de difamação ou ofensas, sejam justas ou injustas, se revidarmos da mesma forma, estaremos nos rebaixando para o nível dela. Estaremos permitindo que nos domine. O autocontrole nos permite exercer domínio sobre situações que podem nos tirar o foco. Uma palavra lançada não pode voltar atrás, mesmo com um pedido de desculpas o que foi dito já causa consequências naturais.

O domínio do Espírito Santo possibilita o autocontrole que Deus exige de nós e que precisamos em nossa vida. O domínio do Espírito Santo e a falta de autocontrole são incompatíveis. O Espírito Santo produz no coração submisso uma disposição, uma força, uma mentalidade que tornam possível o autocontrole que de outra maneira seria impossível.

Conclusão

O autocontrole produz liberdade, quando dominamos o egocentrismo e o medo. Produz confiança, alegria e estabilidade. O autocontrole vem a ser um dos mais importantes princípios da nossa personalidade.

Referencia bibliográfica

Seja um líder de verdade – John Haggai



Adenilton Turquete

Adenilton Turquete

Um cristão por paixão, fé e vocação.


Deixe seu comentário!